O deputado delegado Cavalcante (PSL) cobrou, em sessão da Assembleia Legislativa do Ceará (Alece) desta quinta-feira (13), a finalização das obras do Anel Viário de Fortaleza que liga os municípios de Maracanaú e Caucaia, e das alças do viaduto do Metrópole, que dá acesso à BR-020, em Caucaia.

Ele pontua que a reforma do Anel Viário foi iniciada em 2010, no governo Dilma Rousseff, e no ano seguinte foi repassada a responsabilidade da execução da obra para o Governo do Estado. Disse ainda que em 2019 o governo federal teria enviado recursos para a Superintendência de Obras Públicas do Estado e que três construtoras foram contratadas para a execução, mas a última abandonou o projeto. “Estamos com a obra parada, é transtorno para a população que usa as alças do viaduto”, ressalta.


Ele citou também a obra das alças do viaduto do Metrópole, no município de Caucaia. Ele disse que esteve presente no local e constatou “sofrimento da população” da região. Na ocasião, a deputada Érika Amorim (PSD) se pronunciou, pontuando que o ex-prefeito da cidade, Naumi Amorim (PSD), pediu o início das obras, alegando demora. Ela informou ainda que entrou em contato com o Governo do Estado do Ceará, que justificou que a empresa responsável pela obra pediu rescisão e que estava aguardando posição do Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (Dnit). Segundo ela, Naumi pediu autorização ao órgão para a realização da obra, mas não foi atendido. “Estamos juntos para que essa obra se concretize”, disse.

FONTE: O ESTADO CE